SEMANA DAS MÃES > “FITA AMARELA” – por Dalva Agne Lynch – (categoria: Outros Autores)

Postado por Rita de Cássia ligado mai 12, 2017 em Outros Autores | 0 Comentários

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FITA AMARELA


Dalva Agne Lynch

 


Há uma fita amarela amarrada à minha porta.


Ela diz ao mundo


que meu filho está na guerra.


Há uma fita amarela no coração do mundo.


Há uma fita amarela às portas dos oprimidos


das crianças com fome


das mulheres prisioneiras de seus véus


das meninas estupradas nas prisões.


Há uma fita amarela nos muros


os visíveis e os invisíveis.


Há uma fita amarela suja de petróleo


no coração da Palestina


e nas plantações de Eretz Yisrael.


Há uma fita amarela esmaecida


nos barcos que fogem de Havana.


Há uma fita amarela em cada consciência


dos que ainda têm consciência.


Nos que marcham nas avenidas latinas


temendo o futuro.


Nos que abarrotam os tribunais


buscado justiça.


Nos que enchem os bancos das igrejas


dos templos, dos círculos de respostas.


Nos que se curvam sobre livros à noite


e trabalham o dia todo pelo pão de cada dia.


Sim, há uma fita amarela


amarrada às portas do coração do mundo.


Um dia – espero que seja em breve!


retirarei a fita amarela de minha porta.


Um dia – ah, e como haverá gritos e lamentações!


será retirada das portas do mundo


todas as fitas amarelas.


Naquele dia – com canto e dança e risos


o amarelo brilhará só na luz do sol


e nas asas das borboletas.


As crianças e as mulheres e as meninas


e todos os cansados e sobrecarregados


vestirão trajes de muitas cores.


E os homens – aqueles que aprisionaram o mundo


por detrás de fitas amarelas


serão exilados em chamas amarelas.


Um dia…


Ah, como demora esse dia…

 


 

 

 


Deixe um comentário:

9 + 5   é igual a   »
Deixe estes dois campos como estão:

IMPORTANTE!
Para enviar seu comentário é preciso informar a resposta ao cálculo acima.